Startup do Paraná cria mão eletrônica e exoesqueleto para paraplégicos

Compartilhe »»

Equipamentos deverão ser lançados em dezembro deste ano

A startup Cycor Cibernética, de Curitiba, lançará em dezembro de 2019, mão eletrônica implantável e um exoesqueleto que permite a pessoas paraplégicas e tetraplégicas caminhar.

“Desenvolvemos, na realidade, uma placa que conecta os impulsos elétricos do corpo a diferentes tipos de máquinas, como uma mão eletrônica”, explica a neuroengenheira e CEO da Cycor Michele de Souza. O equipamento custará R$ 4,9 mil, enquanto similares saem por dez vezes a mais esse valor.

Já o exoesqueleto, que irá custar R$ 30 mil, vai permitir a pessoas que perderam os movimentos das pernas a se levantar, caminhar e se sentar. Hoje, o único equipamento existente no mundo custa R$ 800 mil. “Já temos 92 pessoas inscritas para receber nossos produtos”, salientou Michele.

Em outubro desde ano, a Cycor recebeu R$ 300 mil de investimento dos jurados da quarta temporada do reality show Shark Tank Brasil (Sony). A empresa está incubada na Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep) e a produção ocorre na Cidade Industrial de Curitiba.

História de vida

Michele de Souza possue síndrome de Asperger, um tipo leve de autismo. Teve muita dificuldade de socialização na infância e adolescência. Por isso, Michele foi entendendo que os estudos eram seu ponto de refúgio, e estudou muito para se tornar neuroengenheira. Fez várias especializações, inclusive em instituições internacionais como Universidade de Harvard (EUA) e École Polytechnique Fédérale de Lausanne (Suíça).

O desenvolvimento dos produtos para auxiliar pessoas com deficiência e dificuldades de locomoção teve início após a companheira de Michele ter sido acometida por um câncer ósseo muito grave. Infelizmente, ela não resistiu à doença e morreu há cerca de dez anos, poucos dias depois de Michele finalizar a tecnologia de seu primeiro produto.

Fonte: Bem Paraná

Nenhum comentário

Seu Comentário é muito importante para nós.

Tecnologia do Blogger.