09/06/2014

Riofilme: 200 mil para acessibilidade em cinemas digitais

A RioFilme lançou nesta quarta, 4, o programa "Cinema Acessível RioFilme", que financiará a implementação de tecnologias de acessibilidade em salas de cinema digitais do Rio de Janeiro. A iniciativa promove a ampliação do acesso ao cinema com o subsídio para que empresas de exibição instalem ferramentas de audiodescrição e de legenda oculta em dez diferentes complexos do município.

O investimento total nesta linha é de R$ 200 mil e cada complexo receberá R$ 20 mil para implementar tecnologias de livre escolha. O projeto contemplará ao menos um complexo por Área de Planejamento (AP), respeitada a ordem cronológica das inscrições, que serão aceitas até o limite dos recursos disponíveis.

Hoje não há no Rio de Janeiro cinema com tecnologias que possibilitem o acesso da população de deficientes visuais e auditivos aos filmes lançados no mercado comercial. Por outro lado, 20% da população carioca possui algum tipo de deficiência sensorial.

A RioFilme pretende incentivar a adoção de tecnologias de acessibilidade pelas empresas, em todos os seus complexos. A oferta de filmes acessíveis, que permitirão o uso das tecnologias instaladas nos complexos, dependerá dos distribuidores.

A partir de 2014, todos os longas financiados pela RioFilme deverão ser finalizados com legendas ocultas e audiodescrição. As inscrições no programa "Cinema Acessível" estão abertas e podem ser feitas através do email cinema.acessivel@riofilme.com.br.

Regulamento e informações complementares estarão disponíveis no site da RioFilme.


Fonte: Tela Viva e Blog Audiodescrição
Proxima Anterior Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Seu Comentário é muito importante para nós.