20/02/2014

Time comove NBA com homenagem a jovem com Síndrome de Down

Na noite da última terça-feira, o jovem americano Kevin Grow, 18, portador de Síndrome de Down, foi introduzido no Wells Fargo Center, na Filadélfia, EUA, como jogador dos 76ers, time local da NBA com o qual ele assinou contrato por dois dias.

Grow chamou a atenção e emocionou os Estados Unidos no início de fevereiro após anotar 14 pontos em um jogo pelo time da Bensalem High School, escola onde estuda. Depois da exibição, o Philadephia 76ers decidiu homenageá-lo com a contratação simbólica, que permitiu que o garoto realizasse toda a preparação da equipe para a partida contra o Cleveland Cavaliers, do brasileiro Anderson Varejão.

"Grow se tornou uma inspiração aos Sixers enquanto sua história se espalhava pelo país. Depois que assinar o contrato de dois dias, ele jantará com os jogadores, visitará o centro de treinamento e receberá uniformes do time. Ele se juntará à equipe no final do treino, encontrar e arremessar com seus colegas e treinadores", divulgaram os 76ers na segunda-feira.

A equipe separou um armário para o jovem no vestiário, no qual o uniforme completo dele foi pendurado. Além disso, Grow participou da entrada do time na quadra do Wells Fargo Center e se alinhou com ele durante a execução do hino nacional dos Estados Unidos.
Quanto ao jogo propriamente dito, os 76ers não tiveram sorte. Os Cavaliers, mesmo fora de casa e em um ano ruim, conseguiram uma vitória folgada, com o placar marcando no fim do jogo 114 a 85 a favor dos visitantes.

Destaque da equipe na temporada, o armador calouro Michael Carter-Williams teve atuação abaixo da média, com 15 pontos e apenas uma assistência, fora sete posses de bola perdidas. Do lado do time de Cleveland, o brasileiro Varejão não atuou e foi substituído por Tyler Zeller, que marcou 18 pontos e conseguiu 15 rebotes.


Fonte: esportes.terra e Blog APNEN Nova Odessa


Proxima Anterior Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Seu Comentário é muito importante para nós.