04/11/2013

CPB firma parceria com clube do TCU para implementação de centro de referência de Halterofilismo em Brasília

Da esquerda para a direita, Felipe Machado, do departamento técnico do CPB, Régis Machado, diretor de esportes da ASTCU, Alison Souza, presidente da ASTCU, Andrew Parsons, presidente do CPB, e Edilson Rocha, diretor técnico do CPB
Brasília terá um Centro de Referência em Desenvolvimento (CRD) de Halterofilismo. Por meio de uma parceria entre o Comitê Paralímpico Brasileiro e a Associação dos Servidores do Tribunal de Contas da União assinada nesta quinta-feira, 31, na sede do CPB, o CRD será implementado no clube do TCU, localizado no Setor de Clubes Sul, ao lado da Ponte JK.
 
Este é o primeiro projeto que o CPB cria em parceria com uma instituição de lazer do Distrito Federal. Além do centro que será montado na capital federal, há no Brasil outros seis espalhados pelas cinco regiões: Manaus (AM), Natal (RN), Goiânia (GO), São Paulo (SP), Itu (SP) e São Bento do Sul (SC).
A assinatura do contrato, segundo o presidente do CPB, Andrew Parsons, vai popularizar o halterofilismo e atrair mais praticantes. Além disso, também acredita que a iniciativa é uma forma de mostrar os investimentos feitos nos esportes paralímpicos. “É interessante também a parceria ser com a Associação de Servidores do Tribunal de Contas da União, que é parceiro do CPB na fiscalização da aplicação dos recursos da Lei Agnelo-Piva. Será uma forma dos servidores do TCU poderem ver na prática o que seu trabalho nos ajuda a desenvolver”, completa Parsons.
Comunicação CPB – (imprensa@cpb.org.br)
Daniel Brito
Ezequiel Trancoso (estagiário)
Nádia Medeiros
Rafael Moura
Thiago Rizerio

Fonte: CPB - Comitê Paralímpico Brasileiro
Proxima Anterior Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Seu Comentário é muito importante para nós.