Crédito acessibilidade: o que significa e como solicitar?

Compartilhe


Você já ouviu falar no crédito acessibilidade? Apesar de ainda ser pouco conhecido, é uma linha de crédito especial, focada em auxiliar pessoas com deficiência. O objetivo é permitir o acesso com mais facilidade a produtos que cubram as necessidades específicas do PCD e contribuam para uma qualidade de vida maior.

Então, se você quer se informar mais sobre este assunto e entender como adquirir com mais facilidade o  produto que atenda a sua necessidade, ou a de uma pessoa próxima, continue lendo este post. Saiba tudo que precisa saber sobre o crédito acessibilidade. Financiamento é direcionado para aquisição de bens e serviços que contribuem com o bem-estar e a maior inclusão social de pessoas com deficiência que favoreçam seu conforto, segurança e autonomia. 

Essas linhas de crédito são preferenciais, portanto, são mais baratas do que as linhas abertas ao público geral e tem como objetivo financiar a compra de equipamentos e soluções que ajudem pessoas com algum tipo de deficiência. 

O valor do crédito pode ser entre R$ 70 e R$ 30 mil, a depender da instituição. O prazo para o pagamento, geralmente, também é longo, podendo chegar até 60 meses. Além disso, as parcelas são pagas, normalmente, por débito automático na conta corrente de quem contratar. 

Os cuidados que as pessoas devem ter ao assinar esses créditos são os mesmos de qualquer outro tomador de crédito: comparar com outras alternativas e colocar as prestações no seu orçamento.

Quem pode solicitar o crédito acessibilidade?

Para acessar o financiamento, o beneficiado precisa ser Pessoa Física e ter limite de crédito e renda de, no máximo, 10 salários mínimos. Dentro desses requisitos, qualquer pessoa pode solicitar, tanto para uso próprio quanto para terceiros.

Quais produtos podem ser financiados com este crédito?

O crédito pode ser usado para comprar diversos produtos necessários para a vida de pessoas com deficiência, por exemplo:

  • Cadeiras de rodas motorizadas
  • Andadores
  • Aparelhos auditivos
  • Guinchos Elevadores
  • Adaptações em veículos
  • Órteses e Próteses, etc
  • Ao todo, são mais de 300 itens que entram nessa lista.

Em conclusão, qualquer outro tipo de item tecnológico que seja necessário ou que facilite a vida de pessoas com deficiência.

Além de produtos, certas reformas também podem ser cobertas por este financiamento. Por exemplo, a instalação de barras, construções de portas e nivelamento de piso também são cobertos. Contudo, no caso de reformas e projetos arquitetônicos, é necessária a assinatura de um arquiteto registrado no Conselho de Arquitetura da Região. Também é preciso que haja um relatório de responsabilidade técnica com o material usado na reforma. Neste caso, não é muito diferente de qualquer empréstimo para financiamento de obras.

Para consultar a lista, é preciso acessar o site de cada banco. 

Como contratar o Crédito acessibilidade?

Para contratar o serviço é preciso ter em mãos a nota fiscal de compra em nome do cliente, com a descrição do produto e a data de emissão de no máximo 30 dias antes da solicitação do crédito.

No caso de reformas, é necessária a apresentação do projeto arquitetônico. Com os documentos em mãos, é só ir ao banco escolhido e contratar o financiamento.

Os documentos solicitados, a taxa de juros e os demais critérios para o crédito podem variar para cada banco, por isso, entre em contato com a instituição financeira antes para tirar todas as dúvidas. 

Bancos que oferecem esta modalidade

  • Banco do Brasil
  • Caixa
  • Bradesco
  • Santander

Cada um deles tem um conjunto de regras distintas. E é preciso ser correntista de um deles, já que o pagamento em todos é retirado diretamente na conta corrente.

1. Banco do Brasil

Valor mínimo de financiamento: R$ 70, com máximo de R$ 30 mil

Prazo de pagamento: 4 a 60 meses

Taxas: variando entre 0,41% a 0,45% ao mês

As notas fiscais não podem estar em nome de terceiros, tem que ser no mesmo nome do correntista no Banco do Brasil.

O BB (Banco do Brasil) informou que São Paulo foi o estado brasileiro que mais utilizou a linha de crédito entre Janeiro e Dezembro de 2019, ao contabilizar 3.816 operações, totalizando R$ 34.182.883,74.

Saiba mais clicando aqui.

2. Caixa

Outra opção para esse tipo de crédito é a Caixa, que também requer que o solicitante seja correntista da instituição. 

Taxas: Até 1,96% ao mês, podendo financiar até 100% do valor. 

Prazo para pagamento: 24 meses

Limite financiáveis: Até R$ 10 mil

3. Bradesco

No Bradesco a linha de crédito é destinada para clientes correntistas (pessoas com deficiência) e Pessoas Jurídicas interessadas em adquirir produtos com características de acessibilidade. 

Prazo de pagamento: 48 meses

Taxa: A partir de 2,56% ao mês

O valor varia de acordo com a capacidade de pagamento.

Saiba mais clicando aqui.

4. Santander

Para contratar o empréstimo no Santander, o cliente deve procurar um fornecedor, solicitar o orçamento e levar até a agência. 

Prazo para pagamento: 48 meses

Taxas: A partir de 1,95% ao mês

As parcelas são debitadas automaticamente. O cliente deve encaminhar a Nota Fiscal do equipamento ou do boleto bancário vinculado ao CNPJ da empresa que fornece o item comprado, acompanhado do pedido de compra em que conste a descrição do produto.

Qual é a diferença entre o crédito acessibilidade e o empréstimo tradicional?

O crédito de acessibilidade é focado em um objetivo específico. Além disso, como se trata de um crédito social, tem juros mais baixos do que dos financiamentos tradicionais.

Dependendo do banco, o produto pode ser financiado até 100%, com taxas de menos de 0,5% ao mês.

O crédito de acessibilidade é uma ótima alternativa para quem precisa adquirir novos equipamentos ou contratar serviços e não consegue arcar com os custos altos. Com o auxílio do financiamento, pessoas com deficiência conseguem buscar mais independência, segurança e conforto, melhorando a qualidade de vida.

Fonte: Guia de Rodas

Compartilhe

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu Comentário é muito importante para nós.

Cursos e Eventos

Vídeos no Youtube

Unawheel - Entrega e primeiro passeio

Unawheel - Entrega e primeiro passeio
Unawheel - Entrega e primeiro passeio

Imagem 1

Imagem 1
20 anos na cadeira de rodas

Imagem 2

Imagem 2
Tetra Dirigindo? Como consegui tirar a CNH

Lives da Fê no Insta

Live sobre Pessoas com deficiência: Exemplo de superação? Ou não?

Live sobre Pessoas com deficiência: Exemplo de superação? Ou não?
Converso com a Váleria Schmidt @schmidt sobre Pessoa com deficiência: Exemplo de superação? Ou não?

Live com Roberto Denardo

Live com Roberto Denardo
A pessoa com deficiência na vida pública 06/10/2020

Live com a Ruth Maria

Live com a Ruth Maria
Os desafios e aprendizados da vida na cadeira de rodas.