Plataforma WikiLibras foi aperfeiçoada

Compartilhe

Novidades da ferramenta, que já dispõe de 17 mil sinais em Libras e realiza três milhões de traduções por mês, serão apresentadas nesta quinta-feira (10/9) em webinário


Com 17 mil sinais já disponíveis em Língua Brasileira de Sinais (Libras) e três milhões de traduções realizadas por mês, a plataforma Wikilibras vem sendo constantemente aperfeiçoada para melhorar o acesso de pessoas surdas. As recentes novidades serão lançadas nesta quinta-feira (10/9), às 15 horas, em webinário com transmissão pelas redes sociais do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH). O secretário de Governo Digital do Ministério da Economia, Luis Felipe Monteiro, participará da atividade.

A plataforma – desenvolvida em 2016 pela Secretaria de Governo Digital, em parceria com a Universidade Federal da Paraíba e a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa – em 2016, passou a contar com mais integrações e funcionalidades ao longo dos anos. Uma das novidades é que agora receberá colaboração mais efetiva do MMFDH.

As principais melhorias previstas são aperfeiçoamento do conteúdo que chega  à população surda; mais colaborações dos usuários e especialistas no assunto; capacitação de animadores nessa construção corporal – que é fundamental para a inclusão das pessoas surdas; e criação totalmente automatizada de sinais.

O que é a plataforma

Wikilibras é uma plataforma colaborativa que promove a construção de novos sinais e a melhoria das traduções para o dicionário de sinais da Suíte VLibras. Já a VLibras é um conjunto de ferramentas computacionais, de código aberto, que traduz conteúdos digitais – texto, áudio e vídeo – para Libras, tornando computadores, celulares e plataformas online acessíveis para as pessoas surdas.

Com a nova versão do Wikilibras, o processo de criação de sinais se torna totalmente automatizado. A plataforma também estabelecerá perfis específicos para cada etapa do processo: colaboradores, animadores e especialistas.

“O relançamento da plataforma WikiLibras é um momento bastante oportuno e necessário para convidar pessoas interessadas, a comunidade surda, linguistas, especialistas em Libras e intérpretes de Libras para contribuírem na evolução da Suíte VLibras”, destaca a titular da Secretaria Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência (SNDPD), Priscilla Gaspar.

Videoaulas

Além do lançamento da plataforma WikiLibras, para auxiliar a colaboração, haverá a disponibilização de videoaulas para animadores e sobre as regras de descrição formal da língua de sinais utilizadas para a construção do corpus textual bilíngue do VLibras. Nesse último, além das regras formais da Libras, os participantes vão aprender como elas são interpretadas pelo elemento de tradução do VLibras em módulo de inteligência artificial (Tradutor DL).

Facebook - https://www.facebook.com/direitoshumanosbrasil

Fonte: GOV.BR

Compartilhe

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu Comentário é muito importante para nós.

Cursos e Eventos

Vídeos no Youtube

Unawheel - Entrega e primeiro passeio

Unawheel - Entrega e primeiro passeio
Unawheel - Entrega e primeiro passeio

Imagem 1

Imagem 1
20 anos na cadeira de rodas

Imagem 2

Imagem 2
Tetra Dirigindo? Como consegui tirar a CNH

Lives da Fê no Insta

Live com a Ruth Maria

Live com a Ruth Maria
Os desafios e aprendizados da vida na cadeira de rodas.

Live sobre O olhar para a sexualidade.

Live sobre O olhar para a sexualidade.
Converso com a Andréia Ribeiro @realizemudancas sobre O olhar para a sexualidade.

Live com Marcos Zufelato

Live com Marcos Zufelato
Família sobre Rodas com Marcos Zufelato 12/08/2020