Garota com Síndrome de Down inspira internet com sonho de se tornar modelo

Compartilhe



Em uma constante batalha com seu peso desde pequena, Madeline perdeu recentemente 18 quilos.


Com apenas 18 anos, Madeline Stuart já exibe uma história incrivelmente inspiradora. Nascida em Brisbane, na Australia, ela quer mudar a maneira como a sociedade entende o termo “beleza”: porque sim, ela tem Síndrome de Down. E sim, quer ser uma modelo — e por que não? 

Em uma constante batalha com seu peso desde pequena, Madeline perdeu recentemente 18 quilos graças a atividades como dança e natação. De acordo com a mãe da garota, Rosanne, sua mudança de estilo de vida lhe deu energia e confiança. Madeline, segundo ela, quer usar essa nova atitude para persistir no seu sonho de ser modelo — e então usar a carreira no mundo da moda como ferramenta de conscientização. 

“Modelar ajudará a mudar a forma como a sociedade vê as pessoas com Síndrome de Down. Exposição irá ajudar a criar aceitação“, a garota escreveu em sua página no Facebook. “É tempo de entenderem que pessoas com Síndrome de Down podem ser sexys, bonitas e deveriam ser celebradas“, a mãe de Madeline contou ao Buzzfeed. 

“Os médicos me disseram que ela não conquistaria nada“, Rosanne desabafou. “Mas as coisas estão mudando todos os dias e as pessoas aceitam o que eles ainda não entendem“, ela acrescenta. “As pessoas precisam ver como ela brilha, como a sua personalidade simplesmente se destaca. Pessoas com Síndrome de Down podem fazer qualquer coisa. Eles só precisam de seu próprio espaço“. 





Verdadeiramente inspiradora, Madeline :)

Fonte: Veja SP

Compartilhe

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu Comentário é muito importante para nós.

Cursos e Eventos

Vídeos no Youtube

Imagem 1

Imagem 1
20 anos na cadeira de rodas

Imagem 2

Imagem 2
Tetra Dirigindo? Como consegui tirar a CNH

Imagem 3

Imagem 3
Mobilidade total com a Unawheel

Lives da Fê no Insta

Imagem 1

Imagem 1
A transformação da vida da esgrimista Mônica Santos após se tornar cadeirante.

Imagem 2

Imagem 2
Quarentena - Como a vida mudou e as consequências dessas mudanças.

Imagem 3

Imagem 3
Cadeirantes e Concursadas - Os desafios de trabalhar sendo tetraplégica.