05/05/2015

Em ano de comemoração do tênis em cadeira de rodas no país, atletas do Brasil brilham no Niterói Open




Encerrou-se neste domingo, 3, a 16ª edição do Niterói Open de Tênis em Cadeira de Rodas. A competição teve um sabor especial, já que comemorou os 30 anos de existência da modalidade adaptada no Brasil. 

Na final da chave masculina, Carlos Santos, que ocupava o 23º lugar do ranking mundial até então, venceu seu compatriota Daniel Rodrigues, nº 19 do mundo. Carlos imprimiu um bom ritmo e finalizou o jogo com 2 sets a 0, parciais de 6/2 6/3. Com o resultado, o campeão subiu para a posição de nº 21 e se aproximou do rival Daniel. 

Na chave feminina, a brasileira Meirycoll Duval superou outra brasileira, Rejane Candida. Com um jogo bem consistente, Meirycoll ganhou por 6/0 6/4. O resultado foi expressivo por ter sido o primeiro título de simples de Meirycoll no Circuito Mundial. Ela tem apenas 21 anos. 

Já na chave de dupla masculina, Daniel Rodrigues e Rafael Medeiros venceram Carlos Santos e Mauricio Pomme, parciais de 7/6 6/2. Na dupla feminina, Meirycoll Duval e Rejane Candida passaram por Antonela Pralong, da Argentina, e Natiele Ribeiro, do Brasil, por 6/2 6/2. 

No júnior, Fabio Bernardes levou a melhor sobre o argentino Lucas Scarazini em um jogo duro de duas horas e meia. Parciais de 7/6 6/7 6/4. 

Os resultados foram excelentes para os brasileiros que, ainda neste mês, embarcam para a disputa do Mundial, na Turquia. Os atletas vão em busca de títulos e pontos para a classificação nos Jogos Parapan-Americanos de Toronto 2015, em agosto. 

Com informações da CBTENIS (Confederação Brasileira de Tênis)


Fonte: CPB
Proxima Anterior Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Seu Comentário é muito importante para nós.