26/03/2015

Após campanha, jovem com síndrome de down consegue primeiro emprego em restaurante aspirante a chef.


A campanha na internet ajudou um jovem britânico com síndrome de Down a encontrar seu primeiro emprego remunerado. Ben Small, de 26 anos, começou a trabalhar neste sábado (21/03) no café Wilson’s Kitchen, em Liverpool, após os donos do lugar se sensibilizarem com sua história. O aspirante a chef recebeu inúmeras ofertas de trabalho desde que sua madrasta, Fiona Hodge, pediu ajuda nas redes sociais.

O apelo original, feito no dia 13 de março, foi compartilhado mais de 800 vezes. Ben já tinha trabalhado em redes como Mc Donald’s e JD Wetherspoon, mas nunca com um salário. Lloyd Wilson, proprietário da local onde o rapaz foi contratado, conta que sua mulher descobriu Ben. “Minha esposa viu o tweet e respondeu de imediato para dizer que Ben seria mais do que bem-vindo em nosso café”, afirmou ao DailyMail.

O pai de jovem, Mike, diz que o filho conheceu o novo chefe na quinta-feira e que os dois logo ficaram muito próximos. “Era como se fossem melhores amigos”, disse. “Fiquei muito feliz de vê-los conversando e dando risada.” Lloyd diz que Ben é “muito extrovertido e cheio de vida”, por isso vai “se encaixar perfeitamente” no novo emprego.

Por enquanto, Ben trabalha somente aos sábados, mas ele espera poder ampliar a carga horária em breve. “Agora no começo, é importante ele se acostumar com um nível maior de estabilidade e formalidade no local de trabalho”, afirmou Fiona, sua madrasta. “Nós não queremos sobrecarregá-lo em sua primeira semana, mas ele pode querer eventualmente trabalhar mais e será autossuficiente como qualquer outra pessoa.”

Animado, assim que chegou, ele teria feito três perguntas ao novo chefe — se poderia comer uma torrada, se os benefícios incluíam jantar no local e quando seria a próxima festa da equipe. A família divulgou um vídeo no YouTube do primeiro dia de trabalho.


Fonte: Época Negócios
Proxima Anterior Inicio