26/10/2014

Candidatos mostram desconhecimento sobre o tema da deficiência no último debate

Aécio Neves e Dilma Rousseff mostraram pouco conhecimento e poucas propostas em relação à acessibilidade e inclusão da pessoa com deficiência


Finalmente as questões relativas às pessoas com deficiência foram abordadas em um debate dos candidatos à presidência. Infelizmente, 45 milhões de brasileiros, grande parte deles eleitores, e suas famílias, ficaram decepcionados com o que ouviram. A Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, aprovada no Brasil como norma constitucional, a maior conquista até hoje do movimento, não foi lembrada pelos candidatos, e a palavra inclusão, a meta que deveria nortear todos os governantes, não foi mencionada nem uma vez.

O que vimos de ambos os lados foi o desconhecimento do tema e um discurso despreparado, que não foi além da visão do senso comum, de que as pessoas com deficiência são coitadinhas que só precisam de assistência. Nada do que gostaríamos de ouvir de postulantes à presidência do país.

O candidato Aécio já começou escorregando na terminologia, mencionando o termo portador, antes de se emendar e referir-se à terminologia vigente de pessoa com deficiência. Quem o está assessorando na área deve ter tremido na base com essa gafe, logo de entrada. Depois disse que iria fortalecer as Apaes que, na verdade, para que seja cumprida a Convenção, deveriam passar a dar apoio à política de educação inclusiva

A candidata Dilma, ao invés de aproveitar para falar sobre as realizações de seu governo, especialmente no que diz respeito ao expressivo aumento de matrículas de alunos com deficiência em escolas regulares, e o BPC na escola, que promove a busca ativa dos estudantes mais carentes para que estudem, preferiu voltar a seu tema preferido, o Bolsa Familia. No final, pelo menos, a candidata teve a consideração de referir-se às pessoas com deficiência como cidadãs.

Candidatos, os direitos das pessoas com deficiência não estão reduzidos a investimentos assistencialistas nas Apaes! Precisamos de acessibilidade, apoio na permanência e progresso na escola regular, residências inclusivas, acesso ao mercado de trabalho com empregos dignos, entre tantas necessidades. Uma pena nos terem feito ver que esse tema, ao contrário do que afirmaram ontem à noite, não é uma prioridade para os senhores.

Veja o que disseram os candidatos:

23:05 Aécio Neves

Aécio questiona Dilma sobre política para pessoas com deficiência

Candidata, a diretora de assistência social do seu governo confirmou essa semana numa reunião com prefeitos em Minas Gerais que os repasses do fundo nacional de assistência estão atrasados em três meses. Esse fundo na verdade atende aos programas mais fundamentais do seu governo, programas de assistência, trata-se de recursos para entidades que prestam a primeira atenção às pessoas que mais necessitam. Em relação ao orçamento voltado às pessoas portadoras, pessoas com deficiência, que é o tema adequado, foi executado apenas onze porcento do que foi aprovado até aqui, o que vem acontecendo com seu governo, candidata?

23:06 Dilma Rousseff

Dilma responde

Candidato, eu acho que o senhor está muito mal informado. O meu governo tem um, tem feito imenso esforço para levar atendimento de saúde, de educação, e acessibilidade às pessoas com deficiência. Temos também tido todo um cuidado de na assistência social criar através centros de referência de assistência social, criar toda uma política de assistência social. O centro dessa política é o Bolsa Família. Mas além do Bolsa Família, candidato, que nunca teve um atraso, nós temos uma série de outras, de outros programas complementares. Eu não tenho, eu não tenho a menor dúvida em afirmar para o senhor, e aqui também para os nossos eleitores indecisos, que o meu governo não atrasa programas sociais. Nunca atrasou. E quero dizer mais uma coisa para você. Enquanto vocês, no Bolsa Família, por todos os oito anos do governo Fernando Henrique gastaram R$ 4,2 bilhões, nós gastamos R$ 4,2 bilhões apenas em dois meses de pagamento do Bolsa Família. Não tem a menor dimensão nem comparativa com o governo que vocês fizeram.

23:08 Aécio Neves

Réplica de Aécio

Lamento, candidata, que a senhora esteja tão desinformada em relação ao seu governo, estão sim atrasados os repasses do Fundo Nacional de assistência e quero me dirigir aos municípios brasileiros, aos prefeitos que sabem exatamente do que está acontecendo, que no nosso governo isso não vai acontecer. Que as pessoas com deficiência terão prioridade nos recursos, onze por cento apenas executados até o final do mês de outubro. Eu tenho conversado muito, candidata, com parceiros e amigos meus que cuidam, se dedicam sua vida a questão, Mara Gabrili, Otávio Leite, agora o meu amigo Romário, cujo apoio agradeço. E assumi com eles o compromisso, no nosso governo as APAE serão fortalecidas, diferente do seu governo que tentou extingui-las, e esse repasse, a garantia da transferência desses recursos será prioridade absoluta no meu governo, pode faltar para outras coisas, para essa não faltará.

23:09 Dilma Rousseff

Tréplica de Dilma

Para o seu governo, candidato, os seus governos, tanto do PSDB como o seu em Minas Gerais, vocês jamais repassaram para as APAE o que nós repassamos em todo o meu período de governo. R$ 5,9 milhões. Isto, candidato está escrito e registrado. Nós fizemos com as APAE o maior programa dentro do que nós entendemos como viver sem limites. Ao mesmo tempo, candidato, nós oferecemos para as pessoas com deficiência toda uma assistência e uma atenção, seja no que se refere a saúde como a educação. Além disso, candidato, tem um dado importantíssimo, a nossa política para as pessoas com deficiência reconhece nas pessoas com deficiência cidadãos brasileiros.

Fonte: Inclusive
Proxima Anterior Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Seu Comentário é muito importante para nós.