03/04/2014

Nova ferramenta traduz sites para Libras

Em mais uma iniciativa para promover a acessibilidade na Web e facilitar a comunicação com pessoas surdas, o ProDeaf lança o WebLibras, software que traduz automaticamente os conteúdos publicados em páginas da internet do português para a Língua Brasileira de Sinais (Libras).

O WebLibras será apresentado ao público, pela primeira vez, na Reatech, que acontecerá de 10 a 13 de abril, em São Paulo, no Centro de Exposições Imigrantes.

A nova ferramenta pode ser utilizada por qualquer pessoa ou empresa que queira tornar blogs, sites ou portais acessíveis no segundo idioma oficial do Brasil (http://ow.ly/rfuF7). Por conta do lançamento, o WebLibras está sendo disponibilizado gratuitamente, por tempo limitado, para blogs e algumas ONGs.

"O WebLibras é uma maneira rápida e econômica que oferecemos para pessoas e empresas que entendem a importância de se comunicar com a grande população que temos hoje no Brasil de surdos e pessoas com deficiência auditiva", afirma Flávio Almeida, diretor do ProDeaf.

O novo software funciona como uma espécie de Google Translator, em que o texto selecionado é traduzido em tempo real, automaticamente. Ao navegar em um site que tenha a ferramenta, basta o internauta clicar sobre o símbolo internacional de surdez (uma orelha azul cortada por um traço branco) para ativar o recurso. A partir daí, uma janela se abre com um avatar em – carinhosamente batizado de Artur –, que faz a tradução do texto selecionado pelo internauta.

A implementação

Para facilitar a implementação do WebLibras, o ProDeaf desenvolveu um plug-in que pode ser facilmente instalado em um site pelo próprio administrador da página. "Não é preciso nenhum grande conhecimento técnico", assegura Almeida. O plugin está disponível em www.weblibras.com.br.

O WebLibras é temporariamente gratuito para sites pessoais e blogs que realizem até mil traduções por mês. Para endereços que realizem entre mil e 10 mil traduções mensais, o ProDeaf cobra uma mensalidade de 1.000. E, para empresas maiores, cujas páginas na web demandem mais de 10 mil traduções ao mês, o ProDeaf faz propostas específicas para cada caso.

Segundo Almeida, cada vez que um visitante clicar em uma frase e traduzi-la com a ajuda de Artur, será incrementada a contagem. Ou seja, se um site tem 100 páginas, ou apenas cinco, não faz diferença. "O que importa é quantas traduções são realizadas. E o cliente do WebLibras terá uma área restrita (Painel de Acesso), onde ele (o administrador do site) poderá visualizar o número de traduções executadas a cada mês."

A ferramenta, que utiliza tecnologia ProDeaf de tradução, permite que - de acordo com o plano contratado - as traduções sejam melhoradas manualmente em seções específicas do site para se atingir um grau ótimo de comunicação. "Além disso, o ProDeaf conta com uma equipe de profissionais altamente qualificados trabalhando na melhoria contínua do processo de tradução automática", afirma Almeida.

Proxima Anterior Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Seu Comentário é muito importante para nós.