21/03/2014

Jovem portador da síndrome de down cria vending machine de HQs


Um jovem americano, portador da trissomia do cromossomo 21 (desordem genética que causa a síndrome de down), foi considerado uma grande inspiração para o empreendedorismo do país.

Chris Romberger, de 19 anos, funcionário do refeitório da Universidade de Villanova, criou uma vending machine que vende histórias em quadrinhos. Os alunos da instituição adoram a máquina e fazem fila para comprar os HQs.

Romberger, que também tem autismo, trata do negócio com carinho. A máquina sempre tem os últimos lançamentos da Marvel e da DC Comics e é bem cuidada e organizada – com os produtos mais novos sempre em destaque.

O garoto teve a ideia de criar a máquina após um passeio por uma loja de HQs. Ele adorou o espaço. Mas como não tinha dinheiro e nem experiência para tocar um negócio desse porte, ele – com a ajuda de um mentor profissional – criou a vendinDg machine.

Em várias partes do mundo, especialmente no Japão, máquinas de venda de HQs e livros são comuns. Mas o invento de Romberger tem uma característica única e inovadora: é a primeira a vender apenas histórias em quadrinhos.

Com o sucesso, Romberger – apoiado pela mãe e o mentor – estuda ampliar o negócio e instalar máquinas de HQs em outras escolas e universidades. A ideia dele é ganhar dinheiro, claro; mas, também, dizem ao mundo que um problema genético não é o fim da linha para empreender.

Fonte: Revista PEGN
Proxima Anterior Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Seu Comentário é muito importante para nós.