13/11/2013

Em Brasília, cadeirantes recebem aula de graça de SUP adaptado no Lago Paranoá

Modalidade de surf é praticada com a cadeira de rodas amarrada na prancha

Dia de sol com vento favorável é sinônimo de SUP (Stand Up Paddle) para cadeirantes no Lago Paranoá, em Brasília. Com a cadeira amarrada na prancha, o esportista rema pelas águas do lago acompanhado de um instrutor e de um fisioterapeuta.
Gabriel Duarte, 34 anos, perdeu o movimento das pernas há dois anos, em um acidente de carro. Voltando de uma festa, ele dormiu no volante e capotou o carro. Com uma lesão na medula, Gabriel teve que adaptar a vida à cadeira de rodas. A rotina de baladas deu espaço à prática de esportes.  Ele é um dos cinco cadeirantes que têm aula de SUP de graça no Parque das Garças, no Lago Norte (DF).
 
As aula tem a duração de aproximadamente uma hora, duas vezes por semana. Mas, tudo depende da previsão do tempo. Se está ventando forte ou chovendo, os encontros são adiados.
 
As aulas são gratuitas para os deficientes físicos. O projeto começou há quatro meses, quando Daniel Badke decidiu adaptar o SUP para cadeirantes. Ele morou na Austrália e acompanhou a modalidade de perto. Quando voltou para o Brasil, decidiu organizar o esporte em Brasília.
 
Badke garante que não há nenhum risco para cadeirante. Ele explica que todo percurso é acompanhado de perto por dois profissionais.
 
— Não tem nenhum riscos. O esportista vai com o colete salva-vidas e um educador vai acompanhando na água, nadando com pé de pato, e outro vai na prancha junto o cadeirante. Na pior das hipóteses, se a prancha virar, é a cadeira que está amarada. O cadeirante cai na água e recebe o apoio dos instrutores.
 
O professor conta que fez vários testes antes de começar a chamar alunos para praticar a modalidade.
 
— Eu tinha visto na Austrália, acompanhava projetos dos Estados Unidos pela internet e fui estudar. Adaptei a prancha, fiz os testes e comecei as aulas.
Quem tiver interesse em praticar a modalidade pode procurar mais informações em www.raianorteesportes.com.br





Fonte: R7
Proxima Anterior Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Seu Comentário é muito importante para nós.