17/11/2012

ABFC promove o I Campeonato de Futebol com cadeirantes


Atletas motorizados de quatro times disputam o título inédito

     Futebol sobre quatro rodas, em que os atletas fazem suas jogadas, comandando suas cadeiras de rodas motorizadas. É o que os cariocas vão ver no próximo dia 18, domingo, quando acontece o I Campeonato Brasileiro de Power Soccer, na Associação Atlética Banco do Brasil (AABB), Leblon, a partir das 14h, com entrada franca.
   Quatro times irão participar: Novo Ser e Arouca, do Rio de Janeiro, e QuatroporQuatro A e B, de Curitiba. Ao todo, 40 atletas disputarão o título inédito. O evento está sendo promovido pela Associação Brasileira de Futebol em Cadeira de Rodas (ABFC) – entidade criada para gerir o esporte no país –, pela Federation Internacionale of Powerchair Football Association (FIPFA) – Federação Internacional de Futebol em Cadeira de Rodas, em português, e pela empresa 213 Sports. Conta também com o patrocínio da Petrobras.
   O novo esporte é desconhecido ainda por muitos, mas fácil de entender por ter regras semelhantes às do futsal e do futebol de campo. É um jogo unissex, praticado por pessoas de todas as idades, com baixa mobilidade, que necessitam de cadeiras de rodas motorizadas no seu dia a dia. Oito jogadores ficam em campo: três na linha e um no gol para cada lado.
   Os atletas comandam a bola por uma grade acoplada à parte da frente da cadeira. O equipamento também funciona como proteção do jogador, assim como a faixa na altura do abdômen e nos pés do atleta, que garantem sua segurança em caso de choque. O jogo é realizado em dois tempos de 20 minutos, com intervalo de 10. Já a bola, tem em torno de 32,5 cm, um pouco maior que as tradicionais, e as medidas da quadra são as mesmas das de basquete.
    De acordo com Ricardo Gonzalez, presidente da ABFC, o objetivo com o evento é divulgar o esporte e incentivar mais pessoas a praticar, bem como estimular a criação de novos times em todo o Brasil e o apoio de empresas públicas e privadas à nova modalidade.
    “O evento está acontecendo no Rio, pois estamos aproveitando a realização da I Clínica Latinoamericana de Futebol em Cadeira de Rodas, promovida pela FIPFA. A escolha do Rio foi simbólica e a presença da delegação da federação internacional só abrilhanta e consolida ainda mais o evento”, comemora Gonzalez, torcedor do Vasco e também atleta.
    Ricardo acredita que o power soccer é, antes de tudo, um meio de inclusão. “O power soccer permite que pessoas que têm pouquíssimos movimentos joguem, participem de um grupo social e vejam no esporte uma possibilidade”.
   A AABB fica na Av. Borges de Medeiros, 829, Leblon. O evento acontec no dia 18 de novembro, domingo, das 14h às 20h, e tem entrada franca. Na abertura e nos intervalos dos jogos haverá apresentação artística de Jesus Fornies, artista madrilenho, que faz malabarismos com bolas de futebol, e companhias de dança em cadeira de rodas.
  
ABFC

   A modalidade paradesportiva é nova no Brasil – surgiu em 2010 após o biólogo e cadeirante Ricardo Gonzalez encontrar o esporte em pesquisas pela internet e se juntar a outros amigos que já atuavam no paredesporto ou em ações em prol das pessoas com deficiência. A união fez nascer a Associação de Futebol em Cadeira de Rodas (ABFC).
   Desde então o grupo, ao qual se juntaram outros profissionais, se mobilizou, participou de eventos internacionais, para trazer mais informações sobre o esporte, e fez do Brasil o primeiro membro da América Latina associado à Federattion Internacionale of Powerchair Football (FIPFA) – Federação Internacional de Futebol em Cadeira de Rodas, em português.

Alexandre dos Reis Teixeira Pinto
Coordenador de Saúde da Assoc.Bras. de Futebol em Cadeiras de Rodas
skype/facebook:alexreisfisio1@hotmail.com
tel:55(21)96369632
Site da Associação Brasileira de Futebol em Cadeira de Rodas:http://www.abfc.org.br/


Proxima Anterior Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Seu Comentário é muito importante para nós.